Por: diario | 10/01/2020

 

Jorge Matias

 

Há pouco mais de dois anos à frente da Prefeitura de Aurora, o prefeito Alexsandro Kohl, o Xandão (MDB) fez um balanço de seu mandato e afirmou que fechou o ano de 2019 com um superávit orçamentário, ou seja, arrecadou mais do que gastou. Além do resultado positivo nas contas do Executivo, ele destaca que conseguiu pagar em dia o salário de dezembro e o 13º do funcionalismo público.

 

Ao longo do período que Xandão exerce a função como prefeito, cerca de R$ 6,5 milhões foram arrecadados por meio de emendas parlamentares.

“Como a arrecadação do município é pequena, as emendas parlamentares são alternativas que oferecem recursos que podem ser aplicados em benefício da população”, ressalta o prefeito.

 

No que se refere a infraestrutura neste início de ano, a prefeitura de Aurora conseguiu uma emenda do senador Esperidião Amin (PP), e a primeira parcela de R$ 248 mil já foi paga. O recurso será utilizado para a pavimentação de ruas. Além disso, a comunidade de São Martinho será beneficiada com a cobertura da quadra poliesportiva, uma reivindicação antiga da comunidade.

 

A praça da cidade, localizada na rua XV de Novembro será revitalizada com o recurso de R$ 1 milhão, viabilizado pelo senador Dário Berger (MDB), que também encaminhou um trator avaliado em R$ 100 mil e uma ensiladeira. O Executivo também adquiriu R$ 450 mil em implementos agrícolas, que serão fornecidos às associações de agricultores do município.

 

Dificuldades do governo

 

Uma das prioridades de Xandão para este ano é referente a saúde. O município de Aurora possui apenas um Posto de Saúde para atender a população que chega a quase 7 mil habitantes. De acordo com o prefeito, a principal dificuldade está na contratação de médicos e no espaço limitado já que o hospital do município foi fechado há cerca de cinco anos.

“Temos o objetivo de firmar uma parceria com o Governo Federal, para a construção de uma Unidade de Saúde na localidade de Santa Tereza para facilitar o acesso e atender melhor a população”, completa.

 

Manter em boas condições os 1.200 quilômetros de estradas vicinais do município, foi um dos desafios do governo de Xandão, para isso o Executivo não mediu esforços, providenciou alargamentos de alguns trechos e construiu pontes para melhorar o acesso das pessoas que residem no interior de Aurora.

 

Ainda de acordo com Xandão outra dificuldade foi referente a folha de pagamento. O município de Aurora tem 53% da receita direcionada ao pagamento dos funcionários da Prefeitura.

“A arrecadação é baixa e os gestores de cidades como a nossa necessitam administrar melhor a verba. Ai é que está o desafio”, ressalta.

 

Além da baixa arrecadação e dos gastos com a folha salarial, Xandão teve de lidar com outro empecilho, a dívida acumulada de mandatos anteriores. “Quando assumi a Prefeitura, há dois anos atrás, a dívida acumulada era de R$ 2 milhões. Estamos trabalhando em cima disso e hoje esse montante é de R$ 800 mil. O objetivo é de entregar o governo no final do ano com essa dívida quitada”, comentou.

 

Avaliação

 

Apesar das dificuldades enfrentadas pelo governo de Xandão, o prefeito avalia o seu trabalho de forma positiva, já que ele diminuiu a dívida acumulada e conseguiu investir na infraestrutura e cumprir com a folha de pagamento. “Fechamos o ano com superávit orçamentário. Gastamos menos do que arrecadamos”, finaliza.