Por: diario | 27/09/2017

Está na conta do Hospital Regional Alto Vale R$ 200 mil repassados pela Câmara de Vereadores de Rio do Sul, oriundos da sobra de recursos repassados pelo município ao Legislativo municipal. A decisão de cumprir o compromisso do governo em auxiliar financeiramente a manutenção dos serviços do hospital foi unânime entre os vereadores.

O presidente da Fundação de Saúde do Alto Vale do Itajaí (Fusavi), Manoel Arisoli Pereira, conta que os recursos vêm em boa hora e serão diluídos nas dívidas já contraídas pelo Hospital Regional.

De acordo com o presidente da Câmara de Vereadores de Rio do Sul, Francisco Goetten de Lima, a economia feita em 2017 pelo Poder Legislativo foi de cerca de R$ 2,1 milhões. Existe a intenção dos vereadores em repassar, ainda este ano, R$ 5 mil para cada Associação de Pais e Professores (APPs) das escolas municipais. “Temos 37 APPs, que têm uma necessidade grande de recursos. Ainda estamos em discussão, mas essa é a vontade de grande parte dos vereadores”, conta o presidente.

Grande parte desse dinheiro economizado deve retornar às contas do município, e será importante para o equilíbrio das contas municipais.
A Constituição Federal fixa o valor máximo que pode ser gasto pelos Legislativos municipais, o que é definido pelo número de habitantes. Isto é, em cidades com até 100 mil habitantes, como é o caso de Rio do Sul, é repassado no início do ano 7% do orçamento programado para o ano.

Rafael Beling