Por: diario | 27/07/2016

Albanir Júnior

Os motoristas que precisam usar o trecho da SC-110, que liga o Centro de Lontras até a BR-470, já perderam a conta da quantidade de buracos recapados que estão presentes na rodovia. A trepidação no veículo, seja ele de passeio ou de carga, durante o tráfego também é inevitável. Mas a espera por um asfalto melhor parece estar perto de acabar. O edital de licitação na modalidade concorrência foi aberto pelo Departamento Estadual de Infraestrutura (Deinfra) e a empresa responsável pela revitalização deve ser conhecida na sexta-feira (29).

O mecânico Charles Leske, que é dono de uma das empresas que estão instaladas a margem da rodovia estadual, comenta que hoje o trecho está praticamente intransitável e a obra é fundamental. “Nosso acesso está praticamente caótico, fizeram uma operação tapa-buraco, mas uns dias atrás estava muito difícil”, reclamou.
Ele considera que o trânsito aumentou muito nos últimos anos no trecho, e que mesmo em más condições, o limite de velocidade permitido que é de 60km/h não é respeitado. Segundo ele, muitos motoristas ignoram a sinalização e abusam no acelerador.

O estado de conservação tem colocado em risco a vida de quem precisa usar a estrada. Alguns veículos passam em zigue-zague na tentativa de buscar um pedaço de asfalto em melhores condições, já outros condutores simplesmente desistem de trafegar sobre a pista. “Tem até que cuidar porque tem gente que faz caminhada, mas a maioria dos motoristas não anda na faixa de rolamento, estão andando no acostamento, porque não tem mais como andar na própria rodovia”, observou Leske.

A prefeita de Lontras Martina Zucatelli confirmou que essa é uma obra do Estado muito aguardada no município. “É a necessidade, o governador Raimundo Colombo passou e viu a dificuldade que nós tínhamos, já fez a revitalização em Trombudo Central e agora é a vez de Lontras a próxima etapa”, comemorou.
O edital foi lançado no último dia 15 de julho em Florianópolis e três empresas foram habilitadas e apresentaram propostas, a WD Engenharia e Construções Ltda, de Florianópolis, a Setep Construções S.A, de Criciúma e a Engeplan Terraplanagem, Saneamento e Urbanismo Ltda, de São José. Os envelopes estão com a Comissão Permanente de Licitações do Deinfra, segundo o secretário executivo da Agência de Desenvolvimento Regional de Ibirama (14ª ADR), José Adálcio Krieger, as propostas vão ser abertas nesta sexta-feira. “É para ser rápido, dia 29 agora abrem as propostas, a empresa que tiver a melhor proposta ganha o processo licitatório, logo tem o prazo de recurso, que é de 15 dias, não havendo nenhum recurso pode ser emitida a ordem de serviço” explicou.

E os lontreses não serão os únicos beneficiados com a revitalização. O secretário executivo explica que a obra vai beneficiar também os moradores de Presidente Nereu, município vizinho, que costumam utilizar a rodovia como principal acesso para a BR-470. Krieger comenta que algumas ações como tapa-buracos foram feitas como medidas paliativas para tentar amenizar o problema e reconhece que a situação no trecho é delicada e que precisa de uma reforma total. “Aquele trecho ali está muito ruim mesmo, o asfalto está todo detonado ele precisa realmente de uma recuperação por completo, não tem outra forma de resolver, a não ser fazer uma recuperação completa”, confirmou.

O valor máximo das propostas de acordo com o edital, não pode ultrapassar a cifra de R$ 1.514.654,38. Esse é o preço máximo orçado pelo Governo do Estado para a realização da revitalização. A empresa vencedora vai ter que executar os serviços de pavimentação, drenagem, sinalização e mais obras complementares que forem necessárias. O trecho que vai receber a melhoria é de 2,1 km entre a ligação com a BR-470 e a ponte Ivo Silveira, que faz a conexão da rodovia com o Centro da cidade.

O prazo de execução previsto no edital é de 360 dias, mas a expectativa é que a obra fique pronta neste ano, pelo tempo que ainda resta no calendário. “Dar prazo é complicado em virtude de clima e outros problemas que podem surgir, mas a perspectiva é que até o final de 2016 essa obra esteja concluída sim”, afirmou Krieger.
Para garantir agilidade na execução e entrega da obra, a prefeita de Lontras promete empenho para que o novo asfalto chegue à cidade o quanto antes. “Eu vou batalhar com nossos deputados, e cobrar com o governador para que em 60 dias esteja feita essa obra, quero ver se esse ano fica pronta”, declarou.