Por: diario | 17/12/2018

Santa Catarina é o estado com maior densidade de startups no Brasil, segundo análise realizada pela Associação Brasileira de Startups (ABStartups) e pela empresa de consultoria Accenture.

Para conhecer melhor esse universo, o Sistema de Inteligência Setorial (SIS) do Sebrae realizou uma pesquisa inédita com o objetivo de mapear o setor no estado.

Os polos com maior concentração de startups em Santa Catarina estão em Florianópolis, Blumenau e Joinville. Esses locais são referência em tecnologia, estando entre as dez regiões do Brasil com maior faturamento médio no setor. A Tecnologia da Informação (TI) representa 5,6% da economia de Santa Catarina e acumula uma receita de R$ 15,5 bilhões.

Quer receber as notícias no Whatsapp? Clique aqui

De acordo com o Panorama do Setor de Tecnologia em Santa Catarina, da Acate, mais de 12 mil empresas atuam na área. O estado contribui para que a Região Sul seja a segunda maior do país no setor de TI, com 13,1% do mercado, segundo estudo da ABES Software referente a 2016.

As startups possuem operação enxuta, muitas vezes formada apenas pelos fundadores. Das pessoas que responderam à pesquisa, 70,97% são os sócios da empresa. Isso é reflexo também do perfil técnico apresentado pelos os fundadores de startups, que criam e executam as soluções.

Com o resultado da questão sobre escolaridade, é possível perceber que as startups catarinenses contam com profissionais de alto nível de formação. A pesquisa constatou que 79,03% dos respondentes possuem ensino superior, sendo a maioria com pós-graduação (33,87%).

Fonte: Exame