Por: diario | 12/06/2018

O PSD lançou na manhã deste sábado (9), em Chapecó, a pré-candidatura de Gelson Merisio ao governo de Santa Catarina. Ele lidera uma aliança formada pelos partidos PSD, PSB, PDT, PRB, PROS, PSC, Solidariedade, Podemos, PRP e PHS.

A cerimônia teve o apoio de mais de 10 mil pessoas, 21 deputados estaduais, 108 prefeitos, 100 vice-prefeitos e diversos de vereadores dos 11 partidos já aliados. Para Merisio, o evento foi um marco para o novo momento que começou a partir de segunda-feira (11). “Vencemos uma etapa importante, de consolidação da aliança e de definição das prioridades. Agora vamos exercitar o diálogo com a sociedade e demais partidos para aumentar a aliança que, acredito, será vitoriosa na eleição de outubro. A partir disso, estamos reafirmando nossos compromissos com Santa Catarina, com a necessidade de enxugamento da máquina pública, com a definição de prioridades claras e exequíveis. Segurança Pública será o objetivo diário de cada uma das nossas ações”, enfatizou.

 

Receba primeiro as notícias do Jornal Diário do Alto Vale, faça parte do grupo de Whatsapp. Clique aqui 

 

Questionado sobre os temas predominantes nos debates de campanha, Merisio disse que o grande debate será o tema da Segurança Pública. “Temos que reconhecer o que foi feito de bom, o trabalho realizado até aqui, mas pontuando com clareza os desafios que teremos, que deverão ser enfrentados com transparência, com firmeza, para que não tenhamos os erros do Rio Grande do Sul e o Rio de Janeiro, que negligenciaram as ações que deveriam ser tomadas e quase faliram. Nós não vamos permitir que isso ocorra em Santa Catarina. Vamos discutir as dificuldades com a sociedade durante para que tenhamos legitimidade para, a partir de janeiro, exercermos nossas convicções”, pontuou.

O pré-candidato conclui dizendo que o projeto é muito mais que regional, “mas é daqui do Oeste que vamos acionar a mola propulsora. Foi assim com Luiz Henrique em Joinville, foi assim com Colombo em Lages”, finalizou.

Sobre Merisio

Gelson Merisio tem 52 anos, é natural de Xaxim, graduado em Administração de Empresas (Unoesc) e pela primeira vez se coloca como pré-candidato ao governo de Santa Catarina.

Eleito vereador de Xanxerê em 1988, já em 1991 assumiu a presidência da Casa. Foi presidente da Associação Comercial e Industrial de Xanxerê (ACIX), presidente da Federação das Associações Empresariais (Facisc) e vice-presidente da entidade representativa nacional do setor, a CACB. Foi ainda diretor financeiro da Casan e presidente do Conselho Deliberativo do Sebrae-SC.

Em 2005 assumiu como deputado estadual ainda na condição de suplente, para ser eleito em 2006 e reeleito em 2010 e em 2014. Na eleição de 2014 conquistou mais de 119 mil votos, um recorde no Legislativo estadual. Foi presidente da Assembleia Legislativa em 2010, reeleito para 2011/12 e, com a votação de 2014, novamente assumiu a presidência no biênio 2015/2016. Segurança Pública é o tema no qual mais fala como candidato ao Executivo. Mas tem ações marcantes como deputado em Saúde, Gestão de recursos e incentivo à adoção.

Elisiane Maciel