Por: diario | 27/11/2019

 

Jorge Matias

 

Menos de um mês após assumir a prefeitura de Laurentino, depois da cassação de Gilberto Marchi (PSDB), o prefeito em exercício, Ademir Caetano (PDT) começa a promover mudanças no governo e anunciou a troca de vários nomes do primeiro escalão e a incorporação de três secretarias.

 

Armando José de Oliveira assume a Secretaria de Administração no lugar de Ildo José Cani. A Secretaria de Transportes, Obras e Serviços Urbanos será incorporada à pasta de Agricultura, Indústria, Comércio e Turismo que era administrada por Arlindo Delucas e agora fica sob o comando de Sílvio Tonet.

 

A Secretaria de Educação, Cultura e Esportes passou a ser administrada pela diretora da Escola Municipal Honorata Stédille, Valdirene Renzi Rosa, que assumiu no lugar de Neusa Nardelli e acumula agora os dois cargos. A assistente social do município, Sheila Daiana Porto, ficará à frente da Secretaria de Assistência Social que antes era comandada por Aroldo José Tambosi.

 

Na Defesa Civil, a agente administrativa, Elaine Luckumann Rezende, assume a pasta. A assessoria jurídica da prefeitura também teve alterações e Vilma Chiarelli deixa o cargo para Jonas Alexandre Tonet.

 

Conforme Caetano as mudanças foram necessárias para que as contas do governo tivessem um maior equilíbrio. “O balanço oficial da Festa do Queijo ainda não foi finalizado, mas até o momento contabilizamos um gasto de R$ 428 mil. É recurso da prefeitura e nós temos de arcar com o compromisso”, afirmou.

 

Ainda sobre a administração Caetano afirma que tem o objetivo de equilibrar as contas e entregar a prefeitura em dia ao próximo prefeito. “É um desafio. Assumimos a prefeitura há menos de um mês e já sabemos as dificuldades que iremos encontrar até a próxima eleição no ano que vem”, concluiu.