Por: diario | 18/06/2019

O Partido Liberal, (PL) realizou o primeiro encontro estadual após a mudança do nome da sigla. Mais de mil lideranças do novo PL estiveram reunidas com o presidente estadual da sigla, senador Jorginho Mello, do vice-presidente Jorge Goetten e com os deputados estaduais Marcius Machado, Nilso Berlanda e Maurício Eskudlark, no último sábado (15), no Clube Caça & Tiro, na cidade de Lages.

O senador Jorginho Mello explicou que a mudança do nome é uma volta às raízes, já que PL foi o nome adotado na fundação da sigla. “Foi aprovada a mudança do nome em uma convenção nacional com 97% dos votos. Estamos conectados com os novos tempos e, ao mesmo tempo, resgatando os princípios adotados na criação do partido”, explicou.

Também foi debatido o planejamento do partido para as eleições municipais de 2020. O objetivo é conquistar 40 prefeitos e 400 vereadores. “Vamos continuar com o crescimento das eleições de 2018. Temos um partido limpo e com lideranças muito capacitadas para administrar os municípios”, comentou Jorginho Mello.
O evento serviu para a filiação de novas lideranças no partido, como o vice-prefeito de Vargem, Santelmo Rodrigues da Silva, e do atual presidente da Câmara de Vereadores de Lontras, Glauco Kuhl, além da posse do novo presidente estadual do PL Jovem, Victor Forte, e das montagens dos diretórios municipais do PL Jovem de Brusque, de Palma Sola e do PL Mulher de Lages.