Por: diario | 27/11/2019

 

Jorge Matias

 

A adoção das cartas da campanha Papai Noel dos Correios termina nesta sexta-feira (29). Dos 120 pedidos que estavam disponíveis na agência de Rio do Sul, restam apenas 30 que ainda não foram adotados. A cada nova edição da campanha, uma Unidade Escolar da cidade é escolhida para participar e os pedidos são os mais variados possíveis como carrinhos, bonecas e até comida. Em Rio do Sul, nesta edição do Papai Noel dos Correios, o Centro Educacional Infantil Padre Ângelo Moser, do bairro Progresso, encaminhou cartas de alunos de 6 meses a 6 anos, que contaram com o auxílio das professoras e das mães para escreverem os pedidos.

 

De acordo com a gerente da agência dos Correios em Rio do Sul, Helaine Peron, Papai Noel dos Correios é uma campanha que além de promover a solidariedade também possibilita o contato com a escrita. “Percebemos que ao longo dos anos, as crianças escrevem cada vez menos, uma ou outra se destaca. Por isso a importância da campanha que incentiva a escrita e alimenta o espírito de Natal”, completa.

 

Uma administradora de 40 anos, que não quis se identificar, estava na agência de Rio do Sul escolhendo uma carta. Ela disse que participa todo ano e os pedidos são diversos. “No ano passado uma criança pediu uma caixa de leite. Neste ano adotei uma que está querendo material escolar. São utilidades básicas para uma criança e aqui elas estão pedindo como presente, é algo que mexe com a gente”, comenta.

 

Ainda de acordo com Helaine Peron, Rio do Sul se mostra uma cidade muito solidária e tem grande adesão na campanha. “Inclusive faltam cartas, nós nunca tivemos preocupações em adotar todas a cartas. Os Correios apenas fazem a ponte entre quem precisa e quem quer ajudar”, afirma.

 

Para adotar uma carta, basta se dirigir até uma agência cadastrada dos Correios e escolher o pedido. É possível adotar quantas cartas quiser. Após retirar a cartinha, quem adotou deve levar o presente embalado na agência em que a cartinha foi retirada, até o dia 5 de dezembro. Quem faz a entrega é os Correios.

 

A campanha

Papai Noel dos Correios é uma campanha promovida há mais de 30 anos em todas as agências dos Correios no Brasil. Com o passar dos anos, a ação ganhou força, se espalhou e, hoje, une a empresa e a população.

 

Além das cartinhas da sociedade, desde 2010 a campanha estimula as crianças no desenvolvimento de redação de cartas. Assim, alunos de escolas públicas são convidados a também expressarem seus desejos. A prática permite valorizar a escrita e o interesse pelo aprendizado escolar.

 

Na edição deste ano, cerca de 412 mil cartas foram encaminhadas aos Correios em todo o país. Em Santa Catarina, 14 mil correspondências chegaram as agências de 50 municípios e os presentes devem ser entregues até a data limite.