Por: diario | 27/03/2018

Depois de quase uma década sem receber navios de Cruzeiro, Florianópolis deu as boas vindas neste sábado (24), à um gigante dos mares que chegou com quatro mil pessoas a bordo, entre tripulantes e passageiros. A operação foi marcada pela tradicional cerimônia de troca de placas, que acontece sempre que um transatlântico atraca em um destino pela primeira vez. O ato contou com a presença do governador do Estado de Santa Catarina, Eduardo Pinho Moreira, o prefeito de Florianópolis, Gean Loureiro, presidente da Embratur, Vinicius Lummertz, diretor da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq), Francisval Dias Mendes, entre outros convidados.

Para permitir que o navio de cruzeiro pudesse aportar em Florianópolis neste sábado, o Governo do Estado investiu R$ 16 mil na realização da batimetria – é um estudo que permite avaliar a viabilidade do local onde o navio irá atracar. Na Capital, foram apontados dois pontos: um na praia de Canasvieiras e outro na de Jurerê. O documento elaborado por meio da Secretaria de Estado da Infraestrutura foi encaminhado à Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq), para a liberação dos locais que estão aptos a receber os navios.

A Secretaria de Turismo de Florianópolis está otimista com a vinda do navio. De acordo com dados da secretaria, a expectativa era que no tempo em que os turistas permaneceram na cidade, devem ter gastado em média R$ 500 (por turista).

Para a recepção dos primeiros passageiros, foram oferecidos passeios, visitas a praias e um tour pelo Centro de Florianópolis.
Já para a próxima temporada, a secretaria projeta receber de dez a 20 cruzeiros. Além de Florianópolis, o navio também deverá fazer escala em Balneário Camboriú.

Receba primeiro as notícias do Jornal Diário do Alto Vale, faça parte do grupo de whatsapp. Clique aqui