Por: diario | 15/12/2018

A mãe do bebê encontrado morto às margens de um riacho no bairro Espraiado, em Nova Trento, no dia 26 de novembro, foi indiciada pela Polícia Civil de Santa Catarina pelos crimes de aborto e ocultação de cadáver.

De acordo com a Polícia Civil, a suspeita teve o aborto dentro do quarto de sua residência e, logo após o parto, o bebê foi jogado em um riacho. O exame de necropsia confirmou que o corpo encontrado era de uma menina recém-nascida, de aproximadamente 2,5 quilos.

Após a realização de busca e apreensão na residência, com coleta de material genético, a investigada confessou o crime em interrogatório e disse que sequer verificou o sexo do bebê.

Concluída, então, a investigação, a mulher foi indiciada pelos crimes de aborto de ocultação de cadáver. Sua identidade não foi revelada pela polícia.

NSC TOTAL