Por: diario | 24/10/2018

Passadas as eleições o vereador Leonardo Pavanello Júnior, de Presidente Getúlio, volta a focar seu trabalho político no Legislativo, mas fez uma avaliação de sua candidatura à deputado estadual pelo Partido dos Trabalhadores, onde recebeu 4.242 votos. Ele declarou que a experiência foi um aprendizado valioso e que não descarta concorrer numa próxima eleição

“Pela pouca idade que tenho, penso que essa eleição contribui para minha caminhada profissional e acredito que um pleito é importante para qualquer agente público. Minha trajetória política ainda está sendo construída, mas ao fazer uma avaliação penso que recebi uma votação expressiva principalmente por não ser vereador nem há dois anos e ter feito uma campanha sem estrutura financeira. Fiz votos por exemplo, em 100 municípios catarinenses.”

Quer receber as notícias no Whatsapp? Clique aqui

Questionado pela reportagem do Diário do Alto Vale se o fato de ser filiado ao PT pode ter prejudicado sua campanha de alguma forma, Pavanello afirmou que acredita que sim.

“As pessoas precisam visar uma renovação, mas senti que veio uma onda e infelizmente o momento que o partido atravessa prejudicou um pouco na caminhada sim, porém a história que vai dizer qual é o lado correto.”

Ele declarou ainda que infelizmente nenhum partido político do Brasil escapou de escândalos de corrupção.

“E é importante que fique claro que em todos os partidos temos pessoas honestas, que fazem um bom trabalho, e também pessoas ruins, então precisamos olhar acima de tudo avaliar o candidato”, completou

Na última eleição o jovem foi o vereador mais votado em Presidente Getúlio e diz que na Câmara de Presidente Getúlio quer continuar trabalhando em prol das pessoas até o fim de seu mandato.

“Não cheguei a me licenciar da Câmara nas eleições, me afastei apenas do meu cargo de professor aqui no Município, e meu objetivo no Legislativo é continuar lutando por projetos que visam o bem da comunidade, continuar fiscalizando com responsabilidade o Poder Executivo e continuar sendo parceiro em todas as ações”, ressalta.

Ele finalizou dizendo que ficou feliz com o resultado de sua campanha nas urnas e acredita que jovens, assim, como ele também precisam se engajar na política.

“Participar mais para gente realmente ter um cenário de renovação. Vamos continuar lutando e tendo esperança sempre de um futuro melhor, começando pela nova região, depois do Estado de Santa Catarina e também um país melhor. Quero acreditar que independente de quem sejam os nossos próximos representantes em todos os níveis, que eles realmente façam política com ética e responsabilidade visando o bem das pessoas.”

Helena Marquardt