Por: diario | 08/06/2018

Com a aproximação das eleições de 2018, o cenário político começa a ser definido. E um dos que já estão encaminhados em Santa Catarina, é o Partido da República (PR). E em visita ao Diário do Alto Vale, recebemos na tarde desta quinta-feira (7), o empresário Jorge Goetten de Lima.

A convite do atual deputado federal Jorginho Mello (PR), o empresário aceitou a oferta de colocar o nome à disposição para ser o sucessor ao cargo federal. Jorge passa agora a ser o único pré-candidato do partido a concorrer a vaga.

De acordo com Jorge, Jorginho Mello terá um projeto maior nesta eleição, sendo pré-candidato a Senador do PR. “E o Jorginho precisava que alguém de confiança ocupasse esse espaço federal. Alguém com vínculos com ele, com a família, para ser pré-candidato à federal e dar a oportunidade à ele de ter essa missão maior para o Senado. Eu me senti muito honrado, mas não estava no meu radar de eu vir a ser candidato. Mas o convite mexeu comigo”, detalhou Jorge.

 

Receba primeiro as notícias do Jornal Diário do Alto Vale, faça parte do grupo de Whatsapp. Clique aqui 

 

De acordo com ele, a possibilidade de servir a região e o estado o motivaram a pensar no convite. “Então resolvi falar com meu irmão e ex-deputado Nelson Goetten de Lima, com lideranças do Alto Vale, de Itajaí onde tenho a empresa, e ouvir deles o que achavam da viabilidade do projeto para que eu pudesse dar essa resposta ao Jorginho.

E considerando que eu seria o único pré-candidato com o apoio irrestrito do Jorginho, eu aceitei”, lembrou.

Em relação a pré-candidatura à deputado estadual, do irmão, empresário e vereador, Francisco Goetten de Lima, pelo Partido Progressista, Jorge afirmou que todos têm o direito de pleitear e concorrer ao cargo que se acha competente. Porém, frisou que quem ele deverá apoiar na candidatura ao pleito estadual, será a “irmã de coração”, Kika, que também é do PR.

Jorge disse ainda, que hoje tem ainda o apoio 240 diretórios do PR, com 180 vereadores, 40 vice-prefeitos, 11 prefeitos, e mais 22 candidatos a deputados estaduais. “Temos muita estrutura para conseguir viabilizar o projeto. É logico que isso me comoveu e me deixou honrado, principalmente tendo a possibilidade de poder contar com essas lideranças aqui da região, bem como lideranças suprapartidárias da região da Associação dos Municípios da Foz do Rio Itajaí (AMFRI), tendo a possibilidade de contar com a região do Jorginho de Joaçaba, mais o apoio irrestrito do meu irmão Nelson. Enfim, foi com o intuito de servir o Alto Vale que eu aceitei o convite. Bem como dar continuidade ao trabalho do Jorginho com olhar especial ao micro e pequeno empresário”, explicou.

Jorge disse ainda que esta é a oportunidade do Alto Vale ter mais um deputado federal representado a região em Brasília, e que “falta representatividade política na nossa região. E comigo, Rio do Sul terá mais um representante na Câmara”, finalizou.

Elisiane Maciel