Por: diario | 11/10/2018

Os colaboradores do Centro Tecnológico da IPM Sistemas, em Rio do Sul, agora contam com um novo local de trabalho no bairro Jardim América. O prédio, que abriga os setores de pesquisa e desenvolvimento, de atendimento, de projetos e a escola IPM, tem mais de 3 mil metros quadrados e recebeu investimentos que passam dos R$10 milhões.

“O novo espaço promove a integração entre os setores, antes espalhados em três endereços da cidade, resultando em maior comunicação, bem-estar e produtividade”, explica a diretora financeira Luciane Mees, responsável pelo projeto.

O layout teve como referências as maiores empresas de tecnologia, com salas abertas e áreas de convivência, a exemplo da sala de jogos, equipada com mesa de sinuca, pingue-pongue e pebolim. Para os colaboradores relaxarem no momento de intervalo foram construídos jardins, deques e sala de estudo.

Quer receber as notícias no Whatsapp? Clique aqui

O projeto também prioriza o conforto dos colaboradores, com ar-condicionado central, ilhas de café e cozinha abastecida semanalmente com frutas. Quem mora próximo à empresa agora pode se deslocar ao trabalho de forma mais saudável, já que o local conta com bicicletário.

Vale lembrar que todo o prédio foi adaptado para receber pessoas com deficiência, com rampa de acesso, elevador, banheiro apropriado e estacionamento para esse público. Salas de treinamento e de videoconferência para a promoção de cursos on-line completam a estrutura.

Quer receber as notícias no Whatsapp? Clique aqui

Pioneirismo no Alto Vale

A IPM Sistemas é precursora no desenvolvimento do setor tecnológico no Alto Vale do Itajaí. Há 30 anos praticamente não existiam pessoas com conhecimento em softwares na região. Na época, o fundador da empresa, Aldo Luiz Mees, atuou fortemente para a criação da primeira faculdade na região, a Fundação Educacional Hansa Hammonia (FEHH) em Ibirama, hoje Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc).

Depois, outros cursos superiores na área de Sistema de Informação foram implantados, suprindo a necessidade de talentos humanos para mais de 50 empresas que já atuam na região.

“Hoje temos um mercado com muitas oportunidades de estágio e emprego para jovens que querem seguir a carreira, se desenvolver na área e ainda continuar vivendo na cidade”, lembra.

O prefeito de Rio do Sul, José Thomé, reconhece a importância da empresa para a cidade. “A IPM é a maior contribuinte em impostos do município. Temos orgulho de contar com uma instituição desse porte, sem falar que é uma referência em sua área e um avanço para o mercado de TI da nossa região.”

A IPM Sistemas conta com mais de 300 colaboradores espalhados no Centro Tecnológico e na sede administrativa, em Florianópolis, além de técnicos internos em prefeituras clientes. O novo prédio em Rio do Sul fica na rua Duque de Caxias, 180, bairro Jardim América.