Por: diario | 25/04/2018

Um homem 57 anos teve um mal súbito e morreu ao ter o terreno de casa invadido em Joinville. O “caso inusitado” ocorreu na noite desta terça-feira (24), na rua Presidente Heuse, no bairro Jardim Iririú.

O invasor, de idade não informada, estava pulando muros em uma rua do bairro quando invadiu a propriedade da vítima. “O senhor acabou tendo um mal súbito e morreu no local”, segundo o delegado Rodrigo Aquino, da DIC (Divisão de Investigação Criminal) de Joinville.

Primeiramente, a DIC havia sido informada que seria um latrocínio, no entanto a versão não foi confirmada. O suspeito chegou a ser detido por populares no local até a chegada da polícia, mas nada foi roubado da vítima, segundo a polícia. ”O caso não é tratado como homicídio, pois a vítima não aparentava marcas de violência”, disse Aquino.

O suspeito foi conduzido até a Central de Polícia para os esclarecimentos e procedimentos cabíveis. Populares informaram que o homem que invadiu a propriedade estava bastante alterado. O IGP (Instituto Geral de Perícias) esteve no local e encaminhou o corpo da vítima ao IML (Instituto Médico Legal) de Joinville.

O delegado disse à reportagem do Jornal de Joinville que não foi constatada luta corporal entre o suspeito e a vítima. O IML afirmou que o homem morto não tem sinais de violência pelo corpo.

Fonte: OCP News

Receba primeiro as notícias do Jornal Diário do Alto Vale, faça parte do grupo de Whatsapp. Clique aqui