Por: diario | 11/05/2018

Aconteceu na manhã dessa quinta-feira (10) em Brasília, a assinatura da portaria de Habilitação do Centro Oncológico do Hospital Regional Alto Vale (HRAV), de Rio do Sul. O ato de assinatura ocorreu no Ministério da Saúde, durante encontro do Fórum Parlamentar Catarinense, e contemplou ainda o Hospital da Cidade de São Bento do Sul para a Alta Complexidade de Oncologia, e de serviço de Cardiologia para o Hospital de Mafra.

A assinatura foi feita pelo Ministro da Saúde, Gilberto Occhi, e teve a presença de lideranças políticas e membros da diretoria do HRAV. A partir de agora, o Governo Federal deverá repassar recursos mensais de quase R$ 395 mil, totalizando aproximadamente R$ 5 milhões por ano, para que o setor possa atender a demanda de pacientes em tratamento contra o câncer da região do Alto Vale do Itajaí.

Na última semana de abril, um encontro com o Ministro da Saúde, Gilberto Occhi, foi agendada pelo deputado federal Esperidião Amin (PP), a pedido do vereador de Rio do Sul, Francisco Goetten de Lima (PP), o Chico. Na reunião estavam presentes lideranças do Alto Vale em uma comitiva, como o Presidente da União de Câmaras e Vereadores do Alto Vale do Itajaí (UCAVI) Adriano Coelho (PP), o prefeito de Agronômica e Presidente da Associação dos Municípios do Alto Vale do Itajaí (AMAVI), César Cunha (PSDB) e vereadores de Lontras, Rio do Sul e de Trombudo Central.

O encontro assegurou a Habilitação da Oncologia que aconteceu ontem (10). “Na verdade essa agenda iniciou pela Câmara de Vereadores de Rio do Sul. Nós motivamos. Mas nós não pensando somente em nós mas na coletividade, procuramos a UCAVI, agendamos através da UCAVI. Nós temos que aqui citar que já havia todo um processo da diretoria do HRAV que já tinha dado os encaminhamentos. Mas o que nós sentimos foi que o Ministro quando viu toda aquela união, disse que Rio do Sul ganharia a Habilitação na próxima semana. A gente não quis atropelar nenhum processo, só quisemos aproveitar a oportunidade e nossa força para poder brigar pelas causas da nossa região”, salientou Chico.

De acordo com o presidente da Fundação de Saúde do Alto Vale do Itajaí (Fusavi), Giovani Nascimento, esta “é uma realização de uma velha aspiração de todo o Alto Vale e uma das maiores conquistas nos últimos anos em termos de saúde para a região”.

O deputado federal Rogério Peninha Mendonça (MDB), que estava presente no ato da assinatura e que também teve uma participação importante para esse ganho, disse estar muito feliz com a Habilitação. “É de extrema importância para o atendimento dos pacientes que, atualmente, precisam se deslocar para outras regiões em busca de tratamento”, comemorou Peninha.

Além de Peninha e Amin, outros deputados catarinenses tiveram papel importante para a conquista, como Carmem Zanotto (PPS), e João Paulo Kleinübing (DEM), além do senador Dário Berger (MDB).

Elisiane Maciel

Receba primeiro as notícias do Jornal Diário do Alto Vale, faça parte do grupo de Whatsapp. Clique aqui