Por: diario | 10/03/2017

A Foto Marzall completa 80 anos de atendimento e serviços prestados na região. É uma das empresas mais antigas em atividade no comércio de Rio do Sul e foi uma das primeiras a se filiar no Sindicato do Comércio Varejista do Alto Vale do Itajaí. O presidente do Sindicomércio, Orival Henrique Seola, comenta que é preciso parabenizar e reconhecer o esforço e o espírito de empreendedorismo que mantém a empresa em atividade, já que segundo ele o ambiente para o empreendedor brasileiro costuma ser difícil diante da burocracia brasileira. “É uma das empresas mais antigas, uma empresa tradicional da qual nós temos muito orgulho de termos como nosso filiado, desde o nascimento deste sindicato, parabéns à família Marzall”, declarou.

As atividades iniciaram em março de 1937, quando Rodolfo Marzall veio morar em Rio do Sul, após seu pai Johann Adam Marzall, adoecer e falecer. Ele então passou a exercer a profissão de fotógrafo que havia aprendido com um cunhado 14 anos antes. O primeiro registro foi como fotógrafo ambulante, o registro de firma individual na prefeitura teve como nome fantasia ‘Foto Marzall’.

Para registrar fotos da região Rodolfo Marzall percorreu o Alto Vale a cavalou ou com a charrete que possuía, foi percorrendo estradas de terra, quase intransitáveis em dias de chuva, que o trabalho ganhou fama e reconhecimento pela região ainda pouco povoada.

Nove anos mais tarde construiu o primeiro estúdio fotográfico, o endereço era a própria residência, na rua XV de Novembro, local em que já funcionava o laboratório de revelação de fotografias.

Os equipamentos profissionais da empresa foram modernizados e ampliados na década de 1950, com uma clientela maior, Rodolfo Marzall mudou a empresa para uma sala alugada na Avenida 7 de Setembro. Na década seguinte transformou a firma individual em sociedade limitada quando passou a ter os filhos Beatriz Marzall e Rodolfo Marzall Filho, o Dólfi, como sócios. Em 1966 a empresa mudou para a Alameda Aristiliano Ramos, endereço que permanece até hoje. Com espaço maior as atividades também foram ampliadas para o comércio de aparelhos de som e instrumentos musicais

A empresa sempre teve sucessão familiar, Rodolfo Marzall Filho foi quem administrou até 2003, quando passou o comando dos negócios para a filha Leila Marzall Hesse. De acordo com o presidente do Sindicomércio, o empreendedorismo familiar é característica das empresas na região. “Quase que 100% das nossas empresas são familiares, Rio do Sul poucas vezes que importou empresa, acabou não dando certo. Se você olhar os grandes grupos de Rio do Sul, todos nasceram de uma empresa familiar, a exemplo da família Marzall”, afirmou.

A modernização de equipamentos, serviços e produtos sempre foi política da empresa, que sempre acompanhou a tecnologia para se manter ativa no mercado de fotografia, além de álbuns, e impressões de imagens e banners a empresa atua hoje com a produção de foto-produtos, que permitem a personalização de peças comercializadas.

Albanir Júnior