Por: diario | 21/11/2018

Com o natal se aproximando as vendas em todos os comércios e também indústrias aumentam, com isso a economia é movimentada, não apenas pelas vendas, mas pelo número de vagas temporárias, atrações natalinas e clima de férias. Essa época é considerada pela Câmara de Dirigentes Lojistas, a CDL, como a melhor data comemorativa que influencia diretamente nas vendas.

“Com certeza dezembro é nossa melhor data comemorativa, é uma preparação do ano inteiro até para fazer uma decoração diferenciada em toda a cidade para atrair o público, não só para o comércio, mas também para motivar as famílias para virem mais empolgados, para virem comprar aquele presente de natal para as pessoas que gostam e agradecer o ano que teve. Para isso o pessoal do comércio se prepara, acaba contratando funcionários a mais e acaba também comprando mais mercadoria, faz promoções diferenciadas, sorteios, decorações e vários meios de apresentar o seu produto”, explica o diretor da CDL, Daniel Emílio Tchumi.

Apesar da era digital influenciar muitos clientes a fazerem suas compras pela internet, Daniel acredita ainda que muitas pessoas preferem fazer de forma física, principalmente para ver o produto de perto.

“As pessoas querem pegar na mão, ver pessoalmente, querem um atendimento diferenciado, para então decidir se irá comprar, então por conta disso temos uma boa expectativa”, conta.

Quer receber as notícias no Whatsapp? Clique aqui

Outra motivação para que as vendas aumentem ainda mais é a estabilidade política que segundo Daniel influência diretamente os comércios e as indústrias.

“Estávamos em uma incerteza bastante grande, não sabíamos quem iria ganhar, quem iria perder, indiferente do lado sabemos o que vem pela frente, então investidores acabam retomando seus investimentos e tudo isso gera e movimenta a economia no fim de ano”, declara.

Daniel comenta ainda que a adesão ao horário de natal em Rio do Sul é bastante positiva e que nenhum comércio é obrigado a seguir destaca.

“Pedimos aos lojistas em especial para aderirem ao horário especial, temos um apoio bem legal dos comerciantes para deixar as lojas abertas realmente para quem vir de outras cidades e mesmo as de Rio do Sul, saberem que quando vir procurar um produto em alguma loja ela estará aberta”, esclarece.

O comerciante Raul Pamplona Junior, que trabalha no ramo de venda de calçados , declarou que a movimentação ainda é pequena mas com o pagamento da primeira parcela do décimo terceiro até o dia 20 de novembro esse cenário deve mudar.

“A partir do pagamento do décimo vai aquecendo o comércio, as pessoas já se programam para iniciar as compras pela questão de escolha dos produtos, tendo mais opções. Quanto mais chegar perto do fim de dezembro os estoques vão acabando e quem se antecipar terá mais facilidade nisso”, pontua.

Outro atrativo, segundo Raul é as promoções que os comerciantes acabam oferecendo.

“As lojas estão bem preparadas com bastante promoção e bastante estoque e acreditamos que será um ótimo Natal. Algumas empresas até já antecipam a primeira parcela e tudo isso ajuda na movimentação do comércio fim do ano. Estamos com o estoque novo, as mercadorias são entreguem até fim de novembro, até porque depois as empresas não conseguem mais produzir e entregar. A grande maioria dos lojistas já está até o fim de novembro com tudo em loja, essa antecipação é muito importante”, complementa.

Quer receber as notícias no Whatsapp? Clique aqui

Funcionários do comércio

Quem trabalha no comércio sabe que as datas de fim de ano são diferenciadas, apesar dos horários cansativos todos os funcionários que optam por trabalhar conforme os horários estabelecidos são remunerados especificamente de acordo com as regras do sindicado.

“Para o funcionário que trabalha em horário diferenciado, principalmente aqueles que trabalham por comissão acabam se beneficiando. Todos são remunerados de acordo com o que o sindicato determina, tudo que é feito precisa ser melhor para o funcionário, como o pagamento de 100% no fim de semana”, declara Daniel.

Para aqueles que querem incrementar a renda trabalhando no período das férias acaba sendo um motivador para uma renda extra.

“Desde pessoas que trabalham em repartições públicas e entram em férias, estudantes que precisam pagar mensalidade e material no início do outro ano, essas pessoas geralmente são contratadas nessa época do ano e dependendo da qualidade do trabalho pode surgir uma contratação efetiva”, completa.

Alto Vale

Não apenas moradores de Rio do Sul mais moradores de várias cidades do Alto Vale acabam escolhendo a cidade para realizar as compras de natal.

“O Alto Vale acaba vindo para cá não apenas por causa de preço mas também pelas mercadorias diferenciadas que em algumas cidades talvez não tenha. O que ajuda muito ainda é a iluminação de natal, onde muitas pessoas de outras cidades vem para tirar fotos e apreciar a iluminação natalina”, conta.