Por: diario | 11/06/2019

Hebreus: 12:5-8 diz: “Filho meu, não desprezes a correção do Senhor, e não desmaies quando por ele fores repreendido; porque o Senhor corrige o que ama, e açoita a qualquer que recebe por filho. Se suportais a correção, Deus vos trata como filhos; porque, que filho há a quem o pai não corrija? Mas, se estais sem disciplina, da qual todos são feitos participantes, sois então bastardos, e não filhos”.
Algum dia você já percebeu que as tribulações e os sofrimentos na sua vida querem lhe dizer algo? Por acaso você nunca pensou no motivo de Deus permitir que alguém sofra? Precisamos abrir a mente e entender a maneira de como o Senhor fala e age nas nossas vidas. Uma das maneiras que Deus tem de falar com o homem é usando as tribulações. Você alguma vez já soube de uma única pessoa que nunca tenha passado por dificuldades? E você sabe por que as suas dificuldades nunca acabam? É porque você não está entendendo o que Deus está falando por meio dessas situações. A própria Bíblia diz, em Lamentações 3:33 que o homem não se entristece ou é afligido de bom grado. Deve haver algum motivo para que haja tantas dificuldades em nossas vidas!
E é exatamente isso que Deus deseja nos revelar com as tribulações que surgem no dia-a-dia. O desejo de Deus é nos mostrar nossas próprias falhas, que impedem que Ele nos abençoe. Digamos que você tem esperado em Deus para receber a vitória em alguma área específica de sua vida. Só que Deus olha para o seu coração e o vê cheio de amarguras e ressentimentos. Será que Ele pode lhe dar uma vitória enquanto o seu coração estiver cheio de amargura? Isso é algo que somente Deus vê! Por isso que não entendemos quando Deus não está atendendo nossos pedidos. Achamos que estamos prontos e perfeitos para receber do Senhor aquilo que pedimos, sendo que Deus está vendo tudo o que há de ruim em nosso interior. E diante disso, o Senhor fará apenas uma coisa em sua vida: Ele te levará a conhecer as amarguras e os ressentimentos que estão no seu coração. Você sabe como Ele faz isso? Ele molda situações em que você se encontra com pessoas que algum dia já lhe machucaram, ou então, permite que alguém não lhe trate com educação. Em último caso, Ele mesmo irá despertar a sua memória e trazer à sua mente as lembranças do passado. Dessa forma, você irá ver quantos sentimentos negativos, como o rancor e a ira, ainda estão presentes na sua vida e que você nem sabia. Com isso, o Senhor está dizendo que há coisas em seu íntimo que devem ser solucionadas e tratadas pela Bíblia para que você possa receber a vitória que deseja.
Lamentações 3:40 diz: “Esquadrinhemos os nossos caminhos, experimentemo-los, e voltemos para o Senhor”. É exatamente isso o que Deus quer que você faça a cada dia. Portanto, esteja sensível e atento para quando Deus expor as suas falhas porque são elas que lhe afastam da vitória que há em Cristo. Então, volte-se para o Senhor! É por causa disso que o Senhor freqüentemente trabalha por meio da tribulação, porque ela abre a sua mente para que você veja que nem sempre você está pronto para receber de Deus o que deseja. Aceite a disciplina que vem do Pai porque ela é uma prova de Seu amor, de que Ele deseja lhe abençoar. A partir de agora, não murmure mais das dificuldades, mas pergunte o que Deus está querendo lhe dizer com elas. Considere-se filho amado e receba a correção!