Por: diario | 02/03/2018

O corpo de uma mulher de 39 anos que estava desaparecida foi encontrado no interior de Agrolândia, na semana passada. Ela foi identificada nesta quinta-feira (1º) por um familiar no IML de Rio do Sul. A Polícia Civil investiga se a vítima foi morta com um martelo achado ao lado do corpo.

A mulher, Helena Pereira, era de Taió e morava em Pouso Redondo. Ela havia desaparecido no dia 12 de fevereiro. Dez dias depois, o corpo dela foi encontrado, parcialmente coberto de terra, a mais de 50 quilômetros de onde ela morava.

O laudo do Instituto Médico Legal (IML) apontou traumatismo craniano como causa da morte. O delegado de Trombudo Central, Aderlan Ângelo Camargo , responsável pelo caso, disse que já identificou pelo menos um suspeito, mas prefere não dar detalhes para não atrapalhar as investigações.

Com base nas informações divulgadas pelo G1.

Receba primeiro as notícias do Jornal Diário do Alto Vale, faça parte do grupo de whatsapp. Clique aqui