Por: diario | 26/03/2020

 

Reportagem: Jorge Matias/DAV

 

A pandemia do coronavírus já demonstra os primeiros impactos no funcionamento de empresas em Rio do Sul. Duas das maiores empregadoras do município, IPM Sistemas e Metalúrgica Riossulense, decretaram férias para a maioria dos colaboradores.

 

Por meio de um comunicado, a Riossulense declarou que alguns plantões em áreas de apoio serão mantidos, mas a empresa entrará em férias coletivas de 30 de março até 20 de abril. Já a IPM Sistemas, disse também através de um comunicado, que está concedendo férias de 30 dias para mais de 300 colaboradores.

 

Além do decreto de férias, as empresas também promoveram ações de prevenção e conscientização sobre a pandemia do coronavírus. Conforme a gerente de Marketing da Riossulense, Fernanda Maísa Wetzstein, a empresa criou um grupo anti-coronavírus assim que os casos começaram a surgir no país.

“Com isso, iniciamos ações para manter todos os colaboradores protegidos ao mesmo tempo em que atendemos nossos compromissos com clientes e fornecedores. Continuamos monitorando diariamente todo o cenário para oferecer sempre a melhor solução a todos: colaboradores, comunidade e parceiros”, disse.

 

A IMP Sistemas, por sua vez, descreveu no comunicado que “para preservar a saúde do time IPM e da sociedade, colaboradores com mais de 60 anos, ou pessoas que estão no grupo de risco fixados pelo Ministério da Saúde, foram dispensados“. A empresa também irá dispor de álcool em gel para uso constante, além de medidas para manter a distância de dois metros um do outro e, sempre que possível, os colaboradores trabalharão em home office.

 

IPM Sistemas