Por: diario | 05/09/2019

A Barragem Norte, em José Boiteux, receberá investimento de R$ 21 milhões. A boa notícia para os catarinenses foi dada pelo próprio Ministro do Desenvolvimento Regional (MDR), Gustavo Canuto, ao coordenador da bancada, deputado Peninha (MDB). Canuto deve oficializar o repasse no dia 14 de setembro, quando visita a maior estrutura de contenção de cheias do país.

“Estávamos ansiosos por esta atenção necessária à estrutura. O Ministro Canuto me ligou e confirmou o repasse necessário para a conclusão do canal extravasor e também a recuperação da estrutura, já que muita coisa foi danificada lá, inclusive por ação de uma invasão. A Barragem tem capacidade de reter até 357 milhões de metros cúbicos de água e, se precisar entrar em operação, será necessário o uso de um caminhão hidráulico. Não podemos pensar no problema quando estiver em meio a um período de cheia”, explicou Peninha.

Os recursos são do MDR, repassados por meio da Secretaria de Segurança Hídrica. Na agenda prevista para o sábado, dia 14, Canuto deve sobrevoar as três barragens do Alto Vale do Itajaí – Ituporanga, Taió e José Boiteux – R$ 6 milhões em investimento, com recursos pleiteados pelo Deputado Peninha junto ao Governo Federal. Após, participa de almoço com lideranças.

Recursos para a Barragem Norte

Primeiro processo:
Objeto: Execução das obras de conclusão do canal extravasor
Pactuado – R$ 16.000.000,50;
Contrapartida (Estado) – R$ 313.725,50;
Empenhado – R$ 3.200.000,00.
Segundo processo:
Objeto: Recuperação da Barragem de contenção de cheias
Pactuado – R$ 5.419.919,50;
Contrapartida (Estado) – R$ 108.398,39;
Empenhado – R$ 1.472.150,24.