Por: diario | 16/05/2019

Oito municípios da região foram selecionados pela Agência de Fomento do Estado de Santa Catarina (Badesc), que vai investir R$ 58,7 milhões em projetos de cidades catarinenses que apresentaram alta evasão populacional e baixo repasse de recursos do Fundo de Participação dos Municípios (FPM).

No Alto Vale, os municípios contemplados foram Braço do Trombudo, Chapadão do Lageado, José Boiteux, Laurentino, Petrolândia, Salete, Santa Terezinha e Vidal Ramos. Agora, eles têm até 31 de maio para entregar toda a documentação financeira na Agência.

Neste primeiro momento foram 46 municípios catarinenses classificados no Protocolo de Intenções para financiamento através do Programa Badesc Cidades e as prefeituras ainda estão analisando os projetos que serão encaminhados e os recursos que poderão ser financiados, como é o caso de Salete, que já sabe a quantia que foi liberada mas que ainda vai analisar se vai aderir ou não ao empréstimo. “Para nós foram aprovados R$ 2 milhões, mas não foi definido ainda projetos e dados do que a gente pretende fazer. Estamos ainda na fase de estudo para saber se vamos adquirir ou não o financiamento”, disse a prefeita de Solange Aparecida Schlichting, a Chica.

De acordo com o presidente do Badesc, Eduardo Machado, as novas regras têm como objetivo aprimorar a eficiência da aplicação de recursos pelo Programa e reduzir as desigualdades regionais com a ampliação na capacidade de atendimentos. “Queremos que todos os municípios, sejam eles de pequeno, médio ou grande porte, tenham condições de contratar financiamento. Neste primeiro momento atenderemos esses 46 e a medida em que a dotação orçamentária do Programa for reposta queremos viabilizar o atendimento a novos municípios”, afirma.
Regiões contempladas

A maior parte dos municípios está localizada na região Oeste (38%), seguida das regiões Norte (23,8%), Vale do Itajaí (14,2%), Serrana (11,6%), Sul (7,1%) e Grande Florianópolis (5,3%). Do total de R$ 58.780.000,00, o Oeste receberá investimentos na ordem de R$ 22,3 milhões, o Norte R$ 14 milhões, Vale do Itajaí R$ 8,3 milhões, Serra R$ 6,8 milhões, o Sul R$ 4,2 milhões e a Grande Florianópolis R$ 3,1 milhões. Os valores serão divididos pelos municípios de acordo com o projeto contratado.

Prazos e documentos

Os municípios classificados devem apresentar a documentação financeira completa disponível até o dia 31 de maio. Para agilizar o processo de financiamento os projetos de engenharia devem ser cadastrados na Agência online e entregues fisicamente no Badesc, sendo que podem ser cadastrados no máximo quatro projetos de obras de engenharia por município.

Elisiane Maciel