Por: diario | 13/01/2020

A Polícia Civil deu início às prisões dos envolvidos no mega-assalto ocorrido no Aeroporto Quero-Quero, em Blumenau, no dia 14 de março de 2019. Na ocasião, uma jovem de 22 anos foi morta e dois vigilantes da empresa de valores ficaram gravemente feridos.

 

Cerca de R$ 9,8 milhões que estavam em um avião, que veio de Curitiba (PR) e seria transferido para carros-fortes, foi levado. O roubo foi considerado o maior já registrado em Santa Catarina.

A operação é da Divisão de Roubos e Antissequestro (DRAS) em conjunto com a Divisão de Investigação Criminal (DIC), que ainda não revelaram quantas pessoas foram detidas. Todos os detalhes serão divulgados em uma coletiva de imprensa na manhã desta segunda-feira (13), na sede da Diretoria Estadual de Investigações Criminais (Deic), em São José.

 

Fonte: OCP News