Por: diario | 09/10/2018

O Alto Vale manteve a sua representação política nas eleições de 2018 e conseguiu eleger um representante para a Câmara dos Deputados e dois para a Assembleia Legislativa de Santa Catarina. No entanto, para muitos o número foi considerado uma derrota já que a campanha Eu voto Alto Alto Vale, promovida por várias entidades esperava conscientizar eleitores sobre a importância do voto em candidatos regionais e em consequência aumentar o número de parlamentares que lutassem pela região.

Do Alto Vale foram eleitos dois deputados estaduais, o Jerry do Alto (MDB), que vai ocupa o lugar do falecido Aldo Schneider, e fez 39.131 votos, e o candidato reeleito Milton Hobus (PSD), que fez 36.821 votos.

Para deputado Federal, Rogério Mendonça Peninha garantiu a reeleição com 76.925 votos. Nilson Francisco Stainsack (PP) ficou ainda como primeiro suplente do seu partido, faltando pouco mais 600 votos para ser eleito.

Quer receber as notícias no Whatsapp? Clique aqui

Para os candidatos o grande fenômeno nessa eleição foi as candidaturas do Partido Social Liberal (PSL), que tiveram grande número de votos, por serem da mesma sigla do candidato à presidência Jair Bolsonaro, que provocou uma grande polarização nos eleitores que desejam mudança na política.

Jerry do Aldo acredita que houve renovação na assembleia, mas a proposta de continuar com o trabalho de Aldo Schneider continua como sua principal ação.

“A gente vê que renovou muito a Assembleia, talvez pela onda do PSL, que fez seis deputados. Mas a gente deu a continuidade no trabalho que o Aldo fazia. Devemos o resultado aos nossos prefeitos, nossos vices-prefeitos, aos vereadores, presidentes do partido, aos ex-prefeitos também, enfim que nos ajudaram muito. Tenho certeza que esse trabalho irá continuar. Um trabalho de muita luta, muita garra e determinação e o que a gente sempre pregou e nos ajudou muito, foi não prometer nada. Eu assumi um compromisso sim, com as pessoas e os líderes de fazer sempre o melhor. A partir do momento que você assumi o compromisso de fazer o bem para as pessoas, com certeza você vai ter êxito. E as urnas nos provaram isso”, comentou o deputado estadual eleito.

Ele completou dizendo que seu maior compromisso nesse mandato será com as pessoas.

“Hoje sou deputado eleito e tenho muita gratidão a cada um que votou. E até mesmo os que não votaram, sintam-se todos tento o Jerry como seu deputado. Porque eu sou deputado, não só da região, não só de Santa Catarina, mas um deputado das pessoas. O gabinete a partir do dia primeiro é das pessoas. Quero fazer um trabalho voltado para as pessoas. Quero agradecer também ao amigo Peninha que muito nos ajudou e meu eterno agradecimento ao Aldo, que me deu a oportunidade de trabalhar com ele e agora assumir essa posição”, completa Jerry.

O deputado Milton Hobus também sentiu o reflexo dos candidatos do PSL, que ao seu ver, refletiram diretamente na quantidade de votos recebidos.

Quer receber as notícias no Whatsapp? Clique aqui

“Foi uma coisa que aconteceu meio que generalizada. Nós fizemos uma campanha, no crédito do trabalho, só. Nós não montamos estruturas pagas para fazer a busca de votos, como alguns candidatos fizeram. Fizemos a campanha dentro da lei, daquilo que preconiza a democracia. Sou muito grato as pessoas que me conduziram ao novo mandato e em nome dele vou representar todo o Alto Vale e Santa Catarina”, comentou Milton.

Sobre a continuidade do seu trabalho o candidato reforça seu compromisso com a situação das enchentes na região e o acesso rodoviário ao Alto Vale.

“A gente tem um propósito muito claro e me candidatei com esse propósito, que é de ter força para poder concluir o trabalho com as cheias e as obras estratégicas de interligação do Alto Vale, para que se fique menos dependente da BR-470. Com um trabalho também muito próximo aos nossos hospitais, cuidando da saúde do povo do Alto Vale, a exemplo do centro de oncologia. Vou lutar por isso nesse mandato. E tomara que a gente consiga eleger o Gelson Merisio, porque daí as coisas facilitam, já que ele tem esse compromisso conosco”, completa Milton.

O candidato Nilson Francisco Stainsack, que não obteve uma vaga por pouco, mas ficou como primeiro suplente, agradeceu o empenho e grande votação na região.

“Mais da metade da minha votação veio do Alto Vale e fico muito feliz por isso. Faltaram 680 votos para ser eleito, em função do efeito Bolsonaro. Os candidatos do PSL foram muito votados, as pessoas não conheciam os candidatos e votaram porque queriam a mudança sem conhecer realmente os candidatos. Mas isso é a eleição. Sou o primeiro suplente da nossa coligação. E vamos, bola para frente. Se o Merisio for eleito o governador de Santa Catarina eu acredito que eu possa assumir a Câmara Federal ou quem sabe uma Secretaria de Estado, isso claro a critério do governador. Eu continuo apoiando o Merisio, o candidato da nossa coligação e a pessoa que eu julgo estar mais preparada para assumir o governo do estado”, comentou Nilson.

O candidato eleito Rogério Peninha Mendonça foi procurado pela reportagem do Jornal Diário do Alto Vale, mas segundo a assessoria não quis se pronunciar sobre o resultado das eleições.

Susana Lima

Quer receber as notícias no Whatsapp? Clique aqui

Veja também as últimas atualizações: