Por: diario | 07/02/2019

O ano iniciou com mudanças na Prefeitura de Agronômica, onde dois novos secretários foram contratados para as pastas de Obras e de Saúde. Além destas mudanças, o prefeito busca agora recursos para dar continuidade aos trabalhos que já vinham sendo feitos.

Cesar Cunha, revelou que a partir de agora, quem está assumindo a Secretaria de Saúde é Osmar Korb, no antigo cargo de Antonio Pedroso, que ficou na pasta até o dia 20 de janeiro.

“Tivemos algumas alterações no fim do ano passado, onde alguns secretários saíram por assuntos particulares e agora é preciso renovar e colocar outras pessoas”.

Quer receber as notícias no Whatsapp? Clique aqui

Além desta Secretaria, a de Obras passará a ter Miguel Crescêncio como diretor.

“Até janeiro nosso coordenador de Esportes Fábio Hillesheim ficou atendendo toda a parte de Obras e Agricultura, mas nós precisávamos colocar mais pessoas para não sobrecarregar ninguém. O vice-prefeito Amarildo ficou agora de indicar uma pessoa para a Secretaria de Agricultura”, completou Cunha.

Além das novas nomeações, o prefeito revelou que a expectativa para este ano é boa e que o objetivo é de dar continuidade nos serviços que já vinham sendo prestados, mas, para isso, os recursos precisam ser entregues.

“Teremos na próxima semana uma visita ao ministro da Infraestrutura, em Brasília para tratar sobre uma emenda de 2017 no valor de R$ 250 mil e uma de R$ 300 de 2018, que ainda não foram empenhadas e além disso há bastante emendas parlamentares para entrar só que precisam ser cobradas, então neste início de ano temos que nos empenhar e cobrar recursos”.

Ainda sobre as aquisições, Cunha contou que será comprado um ônibus escolar através de uma emenda do senador Paulo Bauer e uma caçamba já foi adquirida com recursos de uma emenda do deputado federal Marco Tebaldi.

“E temos outras emendas que vamos receber para a compra de implementos agrícolas, uma do deputado federal Peninha e uma da deputada estadual Paulinha, que inclusive já foi feito licitação nesta terça-feira (5), no valor de R$ 100 mil cada uma”.

Elisiane Maciel