Por: diario | 13/11/2017

O prédio do Seminário Diocesano do município de Taió, no bairro do Seminário, será o novo endereço da Agência de Desenvolvimento Regional (ADR). O secretário Executivo, Jardel Fronza, já demostrou interesse no início do ano, quando venceu o contrato do aluguel no prédio atual, na Avenida Nereu Ramos. Na época, ele solicitou ao proprietário do imóvel que revisasse o contrato para abaixar o valor do aluguel, mas não houve acordo. Atualmente, o Governo de Santa Catarina paga R$ 10 mil de aluguel mensal, no novo endereço o valor será de R$ 3 mil mensais.

O prédio do seminário passou por uma ampla reforma e na próxima semana, uma empresa contratada pela ADR, fará as instalações elétricas e infraestrutura de comunicação. “Se tudo ocorrer dentro do cronograma, estaremos no novo local no início do mês de dezembro, a licitação finalizada na quinta-feira, 9, prevê que a empresa execute o serviço imediatamente”, justificou Fronza.

A nova sede vai gerar uma economia de R$ 84 mil reais por ano. Além de mais amplo, para abrigar todas as gerências, o governo vai contribuir para preservar a história cultural da edificação que por décadas abrigou a formação de religiosos. Jardel explicou que toda a reforma estrutural do prédio de dois andares foi feita pela locatária, a Mitra Diocesana, e que a ADR ficou responsável de fazer as obras de adequação e instalações.

Alexandre Salvador