Por: diario | 02/02/2017

A diretoria da Associação Empresarial de Rio do Sul (Acirs) apresentou nesta quarta-feira o formato da 11ª Feira Multissetorial do Alto Vale do Itajaí (Fersul) que neste ano além da Feira de Carros (Autosul) também terá um congresso com palestras que abordam o cenário do mercado e as estimativas de crescimento da economia.

O presidente da Acirs, Amândio João da Silva Junior, comenta que a inclusão do congresso é o fato novo que o evento precisava para crescer ainda mais. “A nossa perspectiva é que a economia volte a crescer no país neste ano, então nós também tínhamos a responsabilidade de elevar a Fersul a um novo patamar e entregar para a sociedade, os expositores, uma feira com conceito novo, um conceito diferente, que traga inovação”, explicou.

Serão quadro dias de feira, as datas já estão confirmadas, de 16 a 19 de agosto. O local será o Centro de Eventos Hermann Purnhagen. O pavilhão ‘1’ será destinado aos estandes dos expositores, estarão à disposição 116 espaços para a venda. O pavilhão ‘2’ será reservado para a programação do congresso e o auditório de palestras terá o formato de arena. O estacionamento em frente ao Centro de Eventos será reservado para a Autosul.

A organização quer que uma programação complemente a outra de uma forma que elas ajudem a fortalecer a Fersul. Os congressos acontecerão sempre durante o dia, enquanto a feira de exposições abrirá às 17h e funcionará até às 22h. No sábado (19 de agosto) os portões do pavilhão ‘1’ abrirão mais cedo, a partir das 10h.

O acesso dos visitantes à feira será livre, já as participações nos eventos do congresso terão custo. No dia de abertura a palestra será com a jornalista da GloboNews, Miriam Leitão, que apresentará o tema “Conjuntura Econômica do Brasil e Perspectivas”. A diretoria da Acirs ainda estuda o conteúdo das palestras dos dias seguintes. “Nós temos ainda dois grandes palestrantes que serão contratados, com temas bastante interessantes, de altíssimo nível, reconhecidos nacionalmente, então isso tudo faz com que a gente esteja bastante entusiasmado para que a Fersul 2017 seja um evento inesquecível para Rio do Sul e o Alto Vale do Itajaí”, garantiu o presidente da Acirs.

A Fersul contará ainda com a participação da Federação das Associações Empresariais de Santa Catarina (Facisc), a estimativa é que entre 60 e 80 pessoas entre presidente, vice-presidentes e associados venham prestigiar o evento. Segundo Amândio a nova eleição da diretoria da Facisc será feita durante a Fersul. “Pela primeira vez na história da Federação que haverá a eleição do próximo presidente, da próxima diretoria, aqui em Rio do Sul, isso vai ser marcante para todos nós, são empresários de vários segmentos, dos quatro cantos de Santa Catarina”, declarou.

O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Santa Catarina (Crea-SC) também fará uma reunião da diretoria na Fersul, o que envolverá pelo menos mais 40 pessoas. A Acirs também está em tratativas com a Federação das Indústrias de Santa Catarina (Fiesc) para que a entidade também realize uma reunião na programação do evento. A organização da Fersul também está em negociação com a Associação Catarinense de Tecnologia (Acate) e com o Serviço de Apoio as Micro e Pequenas Empresas de Santa Catarina (Sebrae) para a realização de reuniões e encontros em Rio do Sul, durante a Feira Multissetorial. “Nós vamos trazer quase 200 pessoas com poder de decisão de empresas, de entidades para que conheçam a Fersul, conheçam os expositores, os produtos e serviços e participem do congresso”, concluiu Amândio.

As empresas interessadas já podem procurar a Acirs para negociar a compra de estandes e confirmar a participação. Os valores variam de acordo com o espaço desejado, que varia entre 9m² e 24m². Combos que incluem alimentação e ingressos do congresso para expositores foram montados pela organização.

Durante a apresentação das novidades, duas empresas já assinaram a confirmação de participação no evento, a primeira foi a Cravil que participa desde a primeira edição. A gerente de Recursos Humanos, Marina Lessa Mansur Pontes, comenta que o associativismo está muito presente na política da cooperativa. “É um evento de extrema importância porque é o encontro com toda a classe empresarial seja da indústria, seja do comércio da região a qual a gente faz parte, outro fato também é representar a região e mostrar o que a Cravil faz, mostrar o que a empresa tem para todos os visitantes que vem de todos os lugares do estado”, observou.

A segunda empresa a assinar a participação é a Inox do Brasil, que tem sede em Blumenau. Esta será a terceira vez que a empresa estará na Fersul e o representante comenta que os resultados têm aparecido a cada participação. “A cada participação nossa, a gente percebe nos meses seguintes que tem o aumento do nosso faturamento na região. Cada feira a empresa tem um crescimento maior no mercado com novos clientes, novos contatos, tem também um reflexo em toda a região do Planalto, influencia no Médio Vale também”, afirmou.

Albanir Júnior