Por: diario | 18/01/2018

O sonho de fazer um curso superior está mais próximo, com o resultado do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). A nota da prova, divulgada nesta quinta-feira (18) pelo Ministério da Educação, pode ser usada como critério para classificação em universidades e institutos federais, ou para bolsas de estudo e financiamento em instituições particulares.  O resultado individual estará disponível na internet, na Página do Participante.
Para acessar o resultado, será necessário informar o CPF e a senha cadastrada no momento da inscrição no Enem. Os resultados dos participantes com menos de 18 anos, chamados de treineiros, serão liberados 60 dias depois da divulgação regular. O mesmo prazo vale para os espelhos de correção das redações.

Confira os programas de que você pode participar usando a nota do Enem
Ingressar em universidades públicas

Com a média, os candidatos têm até 1º de fevereiro para se cadastrarem no Sistema de Seleção Unificada (Sisu) para concorrer a uma vaga em 130 universidades e instituições públicas em todo o País. Entre os requisitos estão: ter tirado mais do que zero na redação e ter atingido mais de 450 pontos na prova.

Dá para escolher até duas opções de curso nessa etapa. A nota de corte é flutuante, e muda até o último dia de inscrições, por isso é importante ficar atento ao site do Sisu para a escolha mais adequada e para garantir uma das vagas.

Concorrer a bolsas em faculdades particulares

Quem não for selecionado para as instituições públicas não precisa desanimar. Em fevereiro será aberta a seleção para o Programa Universidade para Todos (ProUni). Os candidatos que cursaram todo o ensino médio em escolas públicas ou foram bolsistas em unidades particulares, e que tenham renda familiar per capita mensal de um salário mínimo e meio podem usar a nota do Enem para concorrer a bolsas parciais ou integrais em faculdades particulares. A seleção também é feita pelo Sisu.

Financiar estudos e só começar a pagar depois da formatura

Para beneficiar mais estudantes, o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) tem novas regras para este ano. O programa oferece financiamentos a juros baixos. Os candidatos que têm renda familiar per capita de até cinco salários mínimos podem participar.

As inscrições são feitas pelo Sistema de Seleção do Fies (SisFies). Outro requisito é ter atingido mais de 450 pontos no Enem e não ter zerado a redação. O pagamento das parcelas do financiamento só começa quando o egresso já estiver empregado.

Esqueci minha senha do Enem. E agora?
1º passo

Acesse a página do participante no site do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), digite seu CPF e clique em “Esqueci minha senha”

2º passo

Confira se o e-mail que aparece na tela está correto. Se você não se lembra do e-mail ou não tem acesso a ele, responda à pergunta de segurança e clique em “Não tenho acesso a este e-mail”

3º passo

Confira se o telefone que aparece na tela está correto. Se você não se lembra do telefone ou não tem acesso a ele, responda ao desafio e clique em “Não tenho acesso a este telefone celular”

4º passo

Altere seus dados de contato: forneça os dados solicitados, responda ao desafio e clique em “Salvar novos dados de contato e enviar nova senha”. Uma nova senha será enviada para o e-mail cadastrado

OCP Online